TECNOPARQ POSSIBILITA PARCERIA ENTRE PROFESSORA DA UFV E EMPRESA

A Professora do Departamento de Química da UFV, Renata Pereira Lopes Moreira, nos contou um pouco de sua história e como foi sua participação no programa Innovation Link do tecnoPARQ, que possibilitou a aprovação de um grande projeto com empresa do ramo de agronegócio.

Em 2013 (quando ingressou no corpo docente da UFV) e em 2014, a Professora conseguiu aprovar dois projetos no valor de R$ 30.000,00 cada para custeio de suas pesquisas junto à instituição. O recurso é de suma importância para aquisição e manutenção de equipamentos, bem como para pagamento de bolsas de alunos de pós graduação, que são fundamentais para sua execução. Após estes 2 projetos, Renata contou que conseguiu aprovar apenas mais um projeto em 2018, devido a escassez de recursos públicos e/ou ausência de editais para submissão.

Diante desta dificuldade, enquanto a Professora buscava outras maneiras de custear seus projetos de pesquisa, o tecnoPARQ buscava pesquisadores com potencial para participação em uma de suas edições do Innovation Day, Encontro de Inovação para a apresentação de projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (P, D & I) da UFV para o setor produtivo, ou seja, para as empresas. Ligado ao programa Innovation Link, ele promove a interação entre empresas privadas, pesquisadores e demais pessoas dispostas a resolverem problemas reais do mercado. O programa conta com a parceria da Comissão Permanente de Propriedade Intelectual (CPPI), da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão (PEC), da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PPG).

Em 2022, além da professora Renata, foram convidados também vários professores e pesquisadores da UFV para uma das edições do Innovation Day. Dentre eles, Marcos Tottola, do departamento de Microbiologia, e Lucas Magalhães Abreu, do departamento de fitopatologia possuíam projetos que, somados ao projeto da professora Renata, tinham grande potencial para solucionar uma das questões apresentadas pela empresa Vale Ouro, empresa ligada a Ourofino Agrociência. O projeto visa a produção de bioativos para uso na agricultura e possui um valor aproximado de recursos que podem chegar até R$500.000,00 nos próximos meses.

Além da aprovação do projeto, Renata contou que pelo Innovation Link, conseguiu aprovar várias bolsas para seus alunos, que vão desde a pós-graduação até a iniciação científica. Segundo ela, o sucesso das interações promovidas pelo tecnoPARQ  é tão positivo, que está planejando junto a outros professores de seu departamento a criação de uma disciplina em seu departamento voltada para a área de inovação e empreendedorismo.

Se você é empreendedor, estudante ou pesquisador e quer ter a possibilidade de apresentar seu projeto ou sua ideia para grandes empresas, conheça de perto nosso programa Innovation Link!

Fique por dentro de tudo

Posts relacionados

Mentoria e Aconselhamento para Empreendedores: O Guia Completo

No mundo dinâmico e desafiador do empreendedorismo, ter uma boa ideia e recursos financeiros são apenas parte do quebra-cabeça. A experiência, os insights e a orientação podem ser fatores decisivos...
11 junho 2024

UFV É A MELHOR UNIVERSIDADE FEDERAL BRASILEIRA NA ÁREA DE AGRICULTURA E CIÊNCIAS FLORESTAIS SEGUNDO QS WORLD UNIVERSITY RANKINGS BY SUBJECT 2024

A Universidade Federal de Viçosa (UFV) destacou-se como a melhor universidade federal brasileira na área de Agriculture & Forestry – Agricultura e Ciências Florestais – conforme o QS World University...
10 junho 2024

Programa Avança Café: Sexta Edição é Lançada com Participação Destacada do tecnoPARQ

Na manhã de quarta-feira, dia 05 de junho, a Expocafé 2024, na cidade de Três Pontas (MG), foi palco para o lançamento da sexta edição do Avança Café, um programa...
7 junho 2024