Quer começar 2024 transformando sua ideia em uma startup?

9 dicas para começar a realizar seu sonho agora mesmo!

1 – Defina os aspectos básicos da sua startup

Qual é o seu ramo de atuação? Você vai oferecer um produto ou um serviço? Você vai ter um ponto comercial, um site, ou os dois? Se for um serviço, ele será presencial ou online?Você pode descobrir uma oportunidade de mercado se observar:

  • Uma novidade que ainda não existe;
  • Uma demanda que não é satisfeita pelas empresas do segmento;
  • Uma solução que melhora ou complementa o que já existe.

2- Levante o que é preciso para começar

Agora que você já tem a ideia inicial do seu negócio, é hora de pensar nas condições necessárias para viabilizar sua ideia. 

Levante os produtos, insumos e equipamentos que você vai precisar, assim como o custo estimado do investimento. Pense também em qual será a fonte do capital para começar a empreender.

Avalie ainda se você pode empreender de forma individual, se vai ter pessoas sócias ou precisar de pessoas colaboradoras.

3 – Estude o mercado e seus concorrentes

Faça uma avaliação mais detalhada de como o seu produto ou serviço se encaixa no cenário atual do seu setor e em relação às outras empresas que disputam o mesmo público.

Um aspecto importante é verificar se o que você oferece tem uma demanda real no mercado. Para isso, o ideal é fazer pesquisas, seja por conta própria ou contratando uma empresa especializada.

A análise de concorrência serve para identificar os pontos fortes e fracos dos seus concorrentes, para saber como a sua empresa pode se diferenciar e atrair os clientes. 

A concorrência também é um dos elementos que você deve levar em conta na sua estratégia de precificação.

4 – Entenda seus clientes

Uma das técnicas mais usadas para segmentar o público é a criação de personas: personagens baseados nas pessoas clientes ideais do seu negócio.

Mas, é recomendado que as personas sejam feitas com dados reais, obtidos por meio de pesquisas, para garantir resultados eficazes.

Outra maneira de entender seu público-alvo é procurar pesquisas sobre tendências de consumo do seu ramo.

5 – Elabore seu plano de negócio

O modelo de negócios ajuda a identificar os pontos fortes e fracos do seu projeto, considerando aspectos como fontes de renda, características do produto ou serviço e relacionamento com o público. 

É um mapa visual que mostra como você cria e entrega valor para o seu público. Com esse mapa, você pode ver de forma clara como as diferentes partes da sua empresa se conectam, o que facilita a definição de estratégias e a tomada de decisões.

Uma  ferramenta popular para criar o modelo de negócios é o Business Model Canvas.

6 – Formalize seu negócio

Formalizar seu negócio, ou seja, obter o CNPJ, traz benefícios como a facilidade para emitir notas fiscais, comprar direto de fornecedores com prazos e condições mais vantajosos, além de ficar em dia com os órgãos de fiscalização.

Uma opção para isso é se formalizar como Microempreendedor Individual (MEI), já que o processo de como abrir um MEI é simples, rápido e gratuito. Ainda assim, existem outros tipos de CNPJ que permitem um faturamento maior e sem a limitação de atividades, tanto para um empreendimento individual como para sociedades.

7 – Desenvolva suas habilidades de gestão

A gestão empresarial pode impulsionar o seu empreendimento desde o início, evitando falhas que comprometam o seu sucesso e crescimento.

Aprenda sobre gestão financeira, marketing e atendimento ao cliente, além de se atualizar sobre as questões legais e tributárias que afetam a sua empresa.

Não deixe de se capacitar continuamente sobre o seu ramo de atividade específico, participando de cursos, palestras e workshops, além de seguir perfis e publicações do seu setor.

8 – Faça seu negócio ser visto pelo seu público

Você pode ter a melhor solução do mercado, mas se ninguém souber que ela existe, você não vai vender nada.

Por isso, use as ferramentas digitais para fazer o marketing do seu negócio, criando perfis engajados e relevantes nas redes sociais.  Além disso, invista em um site profissional. 

Outra dica é construir uma rede de contatos com outros empreendedores e profissionais que possam indicar o seu negócio para potenciais clientes.

9 – Os resultados não aparecem do dia para a noite, e você precisa ter disciplina para trabalhar até alcançá-los.

Empreender é um desafio que exige dedicação e persistência. Nem sempre as coisas vão sair como você planejou, mas isso não significa que você deve desistir. Pelo contrário, você deve se adaptar e buscar novas soluções.

Empreender também tem seus benefícios em relação a um emprego tradicional, como ter mais autonomia para organizar seu tempo e ganhar mais dinheiro.

Fique por dentro de tudo

Posts relacionados

Como Dominar a Gestão Financeira da Sua Startup: Dicas Práticas para Empreendedores

Introdução A gestão financeira é um dos pilares fundamentais para o sucesso de qualquer startup. Sem um controle rigoroso das finanças, mesmo as ideias mais brilhantes podem falhar. Neste artigo,...
18 junho 2024

tecnoPARQ promove treinamento sobre Gestão da Inovação para empresa associada

Na última terça-feira (11/06), o Parque Tecnológico de Viçosa promoveu um treinamento para a Tial, empresa associada do tecnoPARQ. O tema foi Gestão da Inovação, um assunto crucial para as...
14 junho 2024

tecnoPARQ promove Workshop Inspirador sobre Liderança Estratégica e de Impacto

No dia 13 de junho, o tecnoPARQ sediou o workshop intitulado “Liderança Estratégica e de Impacto: Desenvolvendo Líderes com Propósitos“. O evento, parte do Programa de Qualificação Empreendedora do tecnoPARQ,...
14 junho 2024