INTEGRANTE DO PROGRAMA DE INCUBAÇÃO DO TECNOPARQ INOVA COM SISTEMA DE MEDIÇÃO DE GERAÇÃO DE ENERGIA EM USINAS

 

Uma das empresas apoiadas pelo tecnoPARQ está buscando levar mais uma inovação ao mercado de geração distribuída. A Digital Grid, empresa especializada na gestão de créditos de energia, iniciou o desenvolvimento de um sistema de medição da geração de energia de usinas, sendo esse o primeiro passo para a integração com sistemas de armazenamento de energia em baterias. A iniciativa de agregar o gerenciamento da energia armazenada surgiu a partir da defesa do Doutorado do CTO da empresa, Lucas Santana Xavier, no qual foram realizadas pesquisas sobre eficiência de operação de sistemas de armazenamento de energia

A previsão para implementação dessa nova funcionalidade é para os próximos três meses, sendo esse o primeiro para a integração do sistema atual com sistemas de armazenamento de energia. A Digital Grid integra o Programa de Incubação do tecnoPARQ, que visa o desenvolvimento e crescimento de empresas de base tecnológica com base na estruturação dos negócios. O processo de incubação é um passo importante que compõe a Trilha Empreendedora, nome dado ao caminho a ser percorrido pelos empreendedores apoiados pelo tecnoPARQ para se inserirem no mercado de forma eficiente e duradoura.

“Estar incubado em um parque tecnológico que está entre os maiores do mundo, com tantas mentorias que nos ajudaram muito e tendo um ambiente de desenvolvimento agradável contribuiu muito com nossa jornada por essa nova fase.”
Lucas Xavier, CTO da Digital Grid.

Os sistemas de medição da geração de energia de usinas passarão a ser de grande importância para o mercado de usinas de microgeração e minigeração de energia devido à promulgação da Lei nº 14.300 de 6 de janeiro de 2022, que institui o marco legal da minigeração e microgeração distribuída através do Sistema de Compensação de Energia Elétrica (SCEE) e do Programa de Energia Renovável Social (PERS). Para esclarecer sobre como essa nova lei influencia o mercado e a atuação da Digital Grid, pedimos ao Dr. Lucas Xavier para desenvolver uma breve explicação:

“A Lei 14.300/2022 vai trazer um novo e importante elemento para a microgeração e minigeração distribuída, que é o sistema de armazenamento de energia em baterias. Com este novo sistema, será possível classificar fontes de geração fotovoltaica como despacháveis, desde que limitadas a 3 MW de potência instalada e com baterias o suficiente para armazenar 20 % da capacidade mensal de geração. Esse novo marco irá incentivar o uso de armazenamento de energia em baterias e as usinas irão necessitar de um sistema capaz de gerenciar, de maneira eficiente, o fluxo da energia armazenada e despachada. Nós da Digital Grid, estamos entrando nesse setor que tem todo o cenário a favor para ser acelerado. Hoje, oferecemos aos nossos clientes um software para gestão completa dos créditos de energia, desde a geração até o faturamento. Agora, com o novo marco, desenvolvemos novas funcionalidades para o controle do despacho e armazenamento da energia nas baterias.”

Fique por dentro de tudo

Posts relacionados

Mentoria e Aconselhamento para Empreendedores: O Guia Completo

No mundo dinâmico e desafiador do empreendedorismo, ter uma boa ideia e recursos financeiros são apenas parte do quebra-cabeça. A experiência, os insights e a orientação podem ser fatores decisivos...
11 junho 2024

UFV É A MELHOR UNIVERSIDADE FEDERAL BRASILEIRA NA ÁREA DE AGRICULTURA E CIÊNCIAS FLORESTAIS SEGUNDO QS WORLD UNIVERSITY RANKINGS BY SUBJECT 2024

A Universidade Federal de Viçosa (UFV) destacou-se como a melhor universidade federal brasileira na área de Agriculture & Forestry – Agricultura e Ciências Florestais – conforme o QS World University...
10 junho 2024

Programa Avança Café: Sexta Edição é Lançada com Participação Destacada do tecnoPARQ

Na manhã de quarta-feira, dia 05 de junho, a Expocafé 2024, na cidade de Três Pontas (MG), foi palco para o lançamento da sexta edição do Avança Café, um programa...
7 junho 2024